Newsletter - February 2017

EDITORIAL

CINTESIS bate record: 8 Bolsas em 18 Candidaturas


Já são conhecidos os resultados doConcurso para Atribuição de Bolsas de Doutoramento
e Pós-Doutoramento - 2016
, da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT). Este ano, o CINTESIS obteve  8 Bolsas - 5 de Doutoramento e 3 de Pós-Doutoramento, sendo a primeira vez que a Unidade regista um número tão elevado de Bolsas aprovadas. Recorde-se que esta Unidade de I&D apresentou 18 candidaturas ao Concurso de 2016, o que representa uma taxa de sucesso de 44%.

A multidisciplinariedade que caracteriza cada vez mais o CINTESIS poderá ter contribuído para este resultado tão expressivo. As candidaturas aprovadas são provenientes de diferentes backgrounds científicos e de polos distintos. 4 das Bolsas inscrevem-se na área das Ciências Sociais - Psicologia, 2 relacionam-se com as Ciências Médicas e da Saúde, 1 integra a área da Biotecnologia Agrária e Alimentar e 1 está registada na área das Humanidades. As Bolsas distribuíram-se pelos polos da
Universidade de Aveiro (5), da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (2) e da NOVA Medical School - Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa (1).

Falamos, portanto, de um financiamento no valor de 122 mil euros/ano. Mas, mais importante do que isso, falamos da integração de 8 novas investigadoras: Ana Bártolo, Ana Carina Pereira, Filipa Barros, Lígia Pimentel, Luciana Albuquerque, Marisa Rodrigues, Patrícia Marinho e Rosa Andias.


 
Olga Estrela Magalhães, Especialista de Comunicação
António Soares, PhD, Gestor Executivo

 

CINTESIS estuda aborto

Um estudo desenvolvido no CINTESIS revela que apenas 1 em cada 10 abortos leva à hospitalização da mulher. O número de hospitalizações associadas ao aborto subiu a partir de 2001, tendo aumentado nos anos que se seguiram à liberalização.

Ler mais »

Encontro CINTESIS reúne uma centena

Cerca de 100 investigadores marcaram presença no Encontro CINTESIS, realizado a 15 de fevereiro. Num registo informal, os investigadores foram convidados a partilhar o que pensam sobre esta Unidade.

Ver fotos »

ProNutri na Acta Portuguesa de Nutrição

Carla Rêgo e Júlio César Rocha assinam 2 dos 6 artigos publicados na última Acta Portuguesa de Nutrição. Os trabalhos versam sobre recomendações nutricionais e obesidade infantil.

Ler estudos»

VirtualCare já tem chancela da U.Porto Inovação

A VirtualCare - uma empresa sedeada no CINTESIS - acaba de receber a chancela da Spin-off da U. Porto. Recorde-se que esta empresa se dedica à criação de soluções informáticas aplicadas aos Sistemas de Saúde.

Ler mais »

Vigilância para gastrite severa

Uma equipa de investigadores do CINTESIS alerta para a necessidade de os pacientes com gastrite serem vigiados de 3 em 3 anos. De acordo com os investigadores, esta medida pode prevenir a evolução da doença para cancro gástrico, sendo custo-eficiente.

Ler mais »

Investigador do CINTESIS distinguido

Bernardo Sousa Pinto, investigador do CINTESIS, recebeu no passado dia 22 de fevereiro, o Prémio Maxdata Excelência em Medicina, por ter terminado o Mestrado Integrado em Medicina com 18 valores.

Ler mais »
PROFILE // JÚLIO CÉSAR ROCHA , G4 - ProNutri

Polo: Centro Hospitalar do Porto
Interesses: Nutrição, Bioquímica Nutricional, Pediatria, Doenças Hereditárias do Metabolismo, Síndrome Metabólica
Idade: 40
Naturalidade: Cedofeita, Porto
 
Júlio César Rocha licenciou-se em Ciências da Nutrição pela Universidade do Porto em 2001. Ainda não tinha terminado o curso quando iniciou a sua colaboração com o Centro de Genética Médica Doutor Jacinto Magalhães (CGMJM)que lhe "abriu o apetite" pelo estudo das doenças hereditárias do metabolismo. Interessou-se especialmente pela fenilcetonúria (PKU do inglês PhenylKetonUria), uma doença genética rara do foro metabólico, cujo tratamento passa essencialmente pela limitação da ingestão de proteínas por parte dos doentes.
 
Entre o fim do curso e a continuação do seu trabalho no CGMJM, ingressou numa Pós-Graduação em Nutrição Clínica. Mais tarde, após se estrear como docente na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) em 2006, ingressou no Programa Doutoral em Metabolismo, Clínica e Experimentação da Faculdade de Medicina da U. Porto (2008) e  dedicou-se a um projeto de doutoramento no âmbito da PKU e da síndrome metabólica.

Em 2013 foi convidado a integrar a equipa de docentes da Universidade Fernando Pessoa e a reforçar o CINTESIS, na qualidade de investigador integrado, com o objetivo de dar continuidade aos seus trabalhos no âmbito da PKU.

Um dos estudos no qual tem investido mais denomina-se TNSPKU (Trends in Nutritional Status of patients with PKU), um estudo longitudinal que envolve cerca de 100 dos 350 pacientes com fenilcetonúria, de diagnóstico precoce, diagnosticados  em Portugal. Conduzido pelo investigador do CINTESIS, o projeto pretende avaliar, de 2009 a 2018, o estado nutricional  e a prevalência da síndrome metabólica nestes doentes. Paralelamente, este projeto será ainda alargado a outros centros europeus e à Turquia, de modo a poder comparar a realidade portuguesa com a de outros países. Outro dos projetos que tem em mãos pretende estudar os doentes com PKU que estão a receber tratamento farmacológico para a doença, tendo assim a possibilidade de "reduzir" o grau de restrições na sua dieta. O investigador pretende saber qual o impacto da mudança de padrão alimentar na saúde destes doentes.

Júlio César Rocha publicou mais de 20 artigos em revistas científicas e foi distinguido com o Sollari Allegro Prize 2016 - Original Scientific Paper published in 2015 - Honorable Mention, uma distinção natural tendo em conta a forte aposta na investigação que o investigador faz.

Mais recentemente, publicou na Acta Portuguesa de Nutrição um trabalho sobre o excesso de peso de crianças com idades compreendidas entre os 2 e os 6 anos que chama a atenção para a importância da intervenção do nutricionista em idade pré-escolar, mais concretamente, ao nível das creches e jardins de infância.
 
 
Objetivo profissional para este ano?
Os principais objetivos para este ano passam por finalmente obter o financiamento para o projecto TNSPKU, uma vez que este está já aprovado pela Comissão de Ética do Centro Hospitalar do Porto. Pretendo ainda relançar o projeto TNS PKU a nível europeu. É igualmente objetivo publicar os primeiros dois trabalhos que refletem o impacto do uso de novos substitutos proteicos recentemente lançados para o tratamento da PKU. Um dos estudos pretende avaliar o impacto nos primeiros 11 doentes tratados, sendo que o segundo se refere à primeira  grávida com PKU, seguida em Portugal e que foi tratada com o referido produto.
 
Ambição científica para os próximos 10 anos?
Em 2012, estudamos a prevalência do excesso de peso, mas agora queremos perceber até que ponto os indivíduos submetidos à terapêutica nutricional para a PKU beneficiarão ou não de proteção contra a instalação de síndrome metabólica, garantindo, em caso afirmativo, menor risco de doença cardiovascular. Caso a terapêutica da PKU se revele protetora, o modelo poderá ser usado noutras patologias muito mais prevalentes na nossa sociedade, como a diabetes, por exemplo. A hipótese que se levanta é que os substitutos proteicos à base de aminoácidos, sendo absorvidos mais rapidamente, tenham impacto metabólico que possa influenciar o metabolismo da glicose.
 
Que vida para além da investigação/ensino?
Sou um pai presente e envolvido nas atividades dos meus dois filhos. De resto, nos meus tempos livres tenho hábitos "estranhos"... Sou caçador! Foi um hábito que ganhei com o meu pai, com quem tenho uma relação particularmente especial. Aliás, no ano que em que entrei para a Faculdade estive pré-selecionado para representar Portugal nos Jogos Olímpicos de Sidney. Lembro-me de sair da Faculdade e ir diretamente para o Campo de Tiro de Matosinhos. Infelizmente, eu e os outros 5 pré-seleccionados não garantimos os mínimos e perdemos essa oportunidade. Mas ainda hoje mantenho a licença de tiro desportivo e a inscrição na Federação Portuguesa de Tiro com Armas de Caça, bem como, claro, o hobbie da caça. Também gosto de lavar o carro! Sou meticuloso e gosto de preservar o que tenho. Mantenho o meu Range Rover Classic, que tem mais de 20 anos e que adquiri no final do curso, no melhor estado possível. Infelizmente, falta-me tempo para outras atividades como ler e ir ao cinema.



 
OUTRAS NOTÍCIAS
EMPREENDEDORISMO: Estão abertas, até 31 de março, as inscrições para o Prémio EVERIS.Destinado a empreendedores de 3 áreas, incluindo Biotecnologia e Saúde, este galardão pode ascender a 60 mil euros.  Ler mais»

INVESTIGAÇÃO: A Angelini Farmacêutica acaba de lançar a 8.ª edição do Angelini University Award 2016/2017 que tem como tema Produtos e Serviços para combater resistências a Antibióticos. Ler mais»

INOVAÇÃO: Estão abertas, até ao dia 27 de março, as candidaturas para o prgrama RESOLVE - uma iniciativa destinada às start-up do setor da Saúde. Ler mais»

INOVAÇÃO: A PT vai distinguir os projetos mais inovadores no mercado das tecnologias. As candidaturas podem ser enviadas até ao dia 28 de abril de 2017.Ler mais»

NOTÍCIA: Comissão Europeia reúne melhores inovadores para discutirem potencial Conselho Europeu da Inovação. Ler mais»

NOTÍCIA: Projeto europeu quer desenvolver ferramentas para melhorar memória.Ler mais»

NOTÍCIA: Um milhão para interoperabilidade em Saúde.Ler mais»

NOTÍCIA: Big Data para pesquisa usando informações sensíveis do paciente.Ler mais»

INOVAÇÃO: Estão abertas as candidaturas para o Restartup - umprograma da Associação Nacional de Jovens Empresários. Ler mais»

CONFERÊNCIA: Encontram-se abertas as inscrições para a III Conferência Internacional de Investigação em Saúde: Promover a Saúde através da Investigação. O evento está marcado para os dias 6 e 7 de abril e decorrerá em Oliveira de Azeméis. Ler mais»
 
Forward
Share
+1
Tweet
Share
Copyright: CINTESIS®   |   Edição Mensal

Edição: António Soares | Redação: Olga Magalhães; Cláudia Azevedo
CINTESIS, Faculdade de Medicina da Universidade do Porto
R. Dr. Plácido da Costa, 4200-450, Porto, Portugal;  Tel: 225 513 622

Sugestões para This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

A equipa editorial do CINTESIS reserva-se o direito de selecionar os conteúdos informativos.

 

Patrocinadores:


Agradecimentos especiais:

© 2017, CINTESIS