CINTESIS pede opinião dos portugueses sobre demência

/, Investigação/CINTESIS pede opinião dos portugueses sobre demência

CINTESIS pede opinião dos portugueses sobre demência

Considera que o stresse pode ser uma das principais causas de demência? Acha que o consumo de álcool pode predispor para o desenvolvimento deste tipo de patologia cognitiva? Pensa que, com alguma ajuda, as pessoas com demência podem ir às compras, preparar refeições ou cuidar de terceiros?

É para saber a opinião dos portugueses sobre estas e outras questões que o CINTESIS se aliou à Alzheimer Portugal e ao Programa Nacional para a Saúde Mental da Direção-Geral da Saúde, através de um novo inquérito nacional sobre a consciencialização e a perceção pública relativa à demência.

“A demência corresponde a grupo alargado de doenças que causam um declínio progressivo de memória, de capacidade intelectual, de raciocínio, de competências sociais e de alterações das reações emocionais normais”, explica Pedro Machado Santos, investigador do CINTESIS.

O principal fator de risco da demência é a idade, mas existem outros fatores que, controlados, podem ajudar a reduzir o risco de vir a desenvolver demência. “A grande das pessoas parece não reconhecer que existem comportamentos que podemos adotar e que podem funcionar como fatores protetores contra as demências”, esclarece o investigador do CINTESIS na área do envelhecimento.

Os resultados do inquérito devem permitir melhorar a compreensão sobre as experiências, as expectativas e as preocupações da sociedade portuguesa sobre esta patologia, bem como o conhecimento, a atitude e as crenças do público em geral. “Com base nesses dados, poderemos, de futuro, promover campanhas de consciencialização adequadas e eficientes”, adianta.

Recorde-se que o relatório “Health at a Glance 2017” (“Uma visão da saúde”) da OCDE apresenta dados preocupantes sobre a prevalência da demência, colocando Portugal como o 4.º país com mais casos por cada mil habitantes. A média da OCDE é de 14.8 casos por cada mil habitantes, sendo que para Portugal a estimativa é de 19.9.

O questionário tem carácter confidencial e anónimo. A equipa de investigação apela à participação de todos.

Por | 2018-07-28T17:34:57+00:00 Julho 28th, 2018|Categorias: CINTESIS, Investigação|Tags: , , , , |Comentários fechados em CINTESIS pede opinião dos portugueses sobre demência

Sobre o Autor:

Media Relations Specialist

Termos e Políticas de utilização

O website www.cintesis.eu é um website pertencente ao CINTESIS – Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde, tendo como objetivo a prossecução das atividades realizadas no âmbito desta Unidade de I&D da Universidade do Porto e sua divulgação para o público em geral. Por favor, leia atentamente os termos e condições de utilização antes de utilizar este website.
  • Os utilizadores declaram conhecer, compreender, aceitar e cumprir integralmente os termos e condições de utilização deste website.
  • Os utilizadores obrigam-se a respeitar os direitos de autor, direitos conexos e de propriedade intelectual do CINTESIS, dos seus promotores e colaboradores.
  • Os utilizadores obrigam-se à proibição de copiar, divulgar, transmitir, reproduzir ou difundir materiais publicados neste website, respeitando os direitos legais sobre os mesmos, exceto em caso de uso livre autorizado por lei, nomeadamente o direito de citação, desde que a sua origem seja claramente identificada.
  • Os utilizadores comprometem-se a não veicular através deste website qualquer tipo de conteúdo ofensivo, difamatório, discriminatório, racista, obsceno ou violento.
  • O CINTESIS encontra-se ligado a websites externos sobre os quais não tem qualquer controlo e pelos quais não assume qualquer responsabilidade.
  • O CINTESIS não se responsabiliza por quaisquer anomalias ou danos que possam derivar da utilização do website, designadamente por vírus causados pelo acesso a hiperligações disponibilizadas.
  • Os utilizadores declaram-se totalmente responsáveis por quaisquer danos que venham a provocar, quer ao CINTESIS, quer a terceiros, pelo não cumprimento dos termos e condições aqui descritos, bem como pelo não cumprimento das normas legais.
  • O CINTESIS pode suspender ou alterar os presentes termos e condições, sem aviso, a todo e qualquer momento.
  • As questões constantes dos termos e condições são reguladas pela legislação portuguesa em vigor.