CINTESIS vai à escola

/, Educação/CINTESIS vai à escola

CINTESIS vai à escola

Quando uma equipa de investigadores do CINTESIS – Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde vai à escola, isso é Cientificamente Provável.

Cristina Jácome foi uma das investigadoras do CINTESIS envolvidas na atividade no âmbito do Cientificamente Provável

Neste mês de abril, foi a vez dos investigadores do CINTESIS deixarem a Universidade e voltarem às salas de aulas, mais concretamente ao Agrupamento de Escolas de São Lourenço, em Ermesinde. O objetivo foi envolver a comunidade escolar em estudos de desenvolvimento e validação de aplicações móveis dirigidas a pessoas com doenças respiratórias, como a asma e a rinite alérgica.

Os investigadores Rute Almeida, Cristina Jácome, Rita Amaral e Manuel Magalhães foram os dinamizadores de uma série de atividades, que incluíram a realização de uma espirometria, o preenchimento de questionários e a interação dos alunos com a aplicação móvel Inspirers Arcade, destinada a crianças com asma entre os 4 e os 12 anos de idade.

“Uma das principais inovações desta aplicação móvel é que, em vez de utilizarem só os dedos, os jogadores têm de soprar para o microfone para jogar. Os dados recolhidos através do sopro permitirão, futuramente, analisar parâmetros de função respiratória, fundamentais na monitorização do controlo da asma”, explicam.

No futuro, dizem, esta aplicação deverá constituir-se como uma ferramenta útil e divertida para o seguimento das crianças com asma, permitindo, inclusivamente, detetar situações de emergência.

A investigadora Rita Amaral foi uma das dinamizadoras da atividade

A app utilizada pelos alunos do Agrupamento de Escola de São Lourenço é um dos exemplos de um trabalho mais vasto que o grupo de investigadores está a desenvolver, no sentido de melhorar o controlo de doenças respiratórias altamente prevalentes na população e, em particular, em idades pediátricas.

Anteriormente, o CINTESIS já havia estado no Agrupamento de Escolas do Cerco, no Porto, e no Agrupamento de Escolas de Rio Tinto nº 3, em Gondomar, âmbito do Programa Cientificamente Provável, da responsabilidade da Secretaria de Estado da Educação, através da Rede de Bibliotecas Escolares, e da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, que visa a promoção da cultura científica em Portugal.

Por | 2019-04-16T00:54:15+00:00 Abril 15th, 2019|Categorias: Comunidade, Educação|Tags: , , |Comentários fechados em CINTESIS vai à escola

Sobre o Autor:

Termos e Políticas de utilização

O website www.cintesis.eu é um website pertencente ao CINTESIS – Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde, tendo como objetivo a prossecução das atividades realizadas no âmbito desta Unidade de I&D da Universidade do Porto e sua divulgação para o público em geral. Por favor, leia atentamente os termos e condições de utilização antes de utilizar este website.
  • Os utilizadores declaram conhecer, compreender, aceitar e cumprir integralmente os termos e condições de utilização deste website.
  • Os utilizadores obrigam-se a respeitar os direitos de autor, direitos conexos e de propriedade intelectual do CINTESIS, dos seus promotores e colaboradores.
  • Os utilizadores obrigam-se à proibição de copiar, divulgar, transmitir, reproduzir ou difundir materiais publicados neste website, respeitando os direitos legais sobre os mesmos, exceto em caso de uso livre autorizado por lei, nomeadamente o direito de citação, desde que a sua origem seja claramente identificada.
  • Os utilizadores comprometem-se a não veicular através deste website qualquer tipo de conteúdo ofensivo, difamatório, discriminatório, racista, obsceno ou violento.
  • O CINTESIS encontra-se ligado a websites externos sobre os quais não tem qualquer controlo e pelos quais não assume qualquer responsabilidade.
  • O CINTESIS não se responsabiliza por quaisquer anomalias ou danos que possam derivar da utilização do website, designadamente por vírus causados pelo acesso a hiperligações disponibilizadas.
  • Os utilizadores declaram-se totalmente responsáveis por quaisquer danos que venham a provocar, quer ao CINTESIS, quer a terceiros, pelo não cumprimento dos termos e condições aqui descritos, bem como pelo não cumprimento das normas legais.
  • O CINTESIS pode suspender ou alterar os presentes termos e condições, sem aviso, a todo e qualquer momento.
  • As questões constantes dos termos e condições são reguladas pela legislação portuguesa em vigor.