Termos e Políticas de utilização

O website www.cintesis.eu é um website pertencente ao CINTESIS – Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde, tendo como objetivo a prossecução das atividades realizadas no âmbito desta Unidade de I&D da Universidade do Porto e sua divulgação para o público em geral. Por favor, leia atentamente os termos e condições de utilização antes de utilizar este website.
  • Os utilizadores declaram conhecer, compreender, aceitar e cumprir integralmente os termos e condições de utilização deste website.
  • Os utilizadores obrigam-se a respeitar os direitos de autor, direitos conexos e de propriedade intelectual do CINTESIS, dos seus promotores e colaboradores.
  • Os utilizadores obrigam-se à proibição de copiar, divulgar, transmitir, reproduzir ou difundir materiais publicados neste website, respeitando os direitos legais sobre os mesmos, exceto em caso de uso livre autorizado por lei, nomeadamente o direito de citação, desde que a sua origem seja claramente identificada.
  • Os utilizadores comprometem-se a não veicular através deste website qualquer tipo de conteúdo ofensivo, difamatório, discriminatório, racista, obsceno ou violento.
  • O CINTESIS encontra-se ligado a websites externos sobre os quais não tem qualquer controlo e pelos quais não assume qualquer responsabilidade.
  • O CINTESIS não se responsabiliza por quaisquer anomalias ou danos que possam derivar da utilização do website, designadamente por vírus causados pelo acesso a hiperligações disponibilizadas.
  • Os utilizadores declaram-se totalmente responsáveis por quaisquer danos que venham a provocar, quer ao CINTESIS, quer a terceiros, pelo não cumprimento dos termos e condições aqui descritos, bem como pelo não cumprimento das normas legais.
  • O CINTESIS pode suspender ou alterar os presentes termos e condições, sem aviso, a todo e qualquer momento.
  • As questões constantes dos termos e condições são reguladas pela legislação portuguesa em vigor.

Spin-offs

Início/Spin-offs
Spin-offs 2017-06-08T13:22:08+00:00

Spin-offs

Dando cumprimento a um dos seus objetivos estratégicos – promover a transferência do conhecimento científico e das tecnologias aplicadas à saúde para o tecido empresarial, contribuindo para a chegada ao mercado e, consequentemente, à população, de soluções inovadoras na área da saúde – o CINTESIS orgulha-se de estar associado à criação de seis spin-offs.

Estas empresas beneficiam do apoio concedido pela área de Inovação & TT da Equipa de Gestão do CINTESIS para acompanhamento e desenvolvimento dos negócios, aproximação a empresas maduras estabelecidas no mercado, assim como identificação de oportunidades de negócio e financiamento nacionais e internacionais.

A base de desenvolvimento de negócio das spin-offs do CINTESIS está na investigação criada no âmbito desta Unidade de I&D e resulta da experiência acumulada ao longo dos últimos anos pelos seus fundadores.

A criação destas empresas surgiu como resposta a desafios ou necessidades do mercado que não poderiam ser respondidos de forma célere e eficaz no enquadramento de uma Unidade de I&D. Como alternativa, alguns investigadores identificaram, nesses desafios, a oportunidade de alargar as áreas de intervenção e comercialização de produtos e serviços desenvolvidos, fruto das atividades de investigação, através da criação de empresas.

O trabalho de investigação e o conhecimento gerados nomeadamente nas instalações da U.Porto foram determinantes para o apuramento das ideias de negócio e o aprofundamento das variáveis tecnológicas e de mercado relevantes para o sucesso destas empresa.

5 das 6 empresas associadas ao CINTESIS receberam a chancela U.Porto Spin-off, atribuída pela U.Porto Inovação.

IS4H

A missão principal da IS4H é melhorar o custo-efetividade da auscultação cardiopulmonar, reduzindo assim os custos de saúde a nível mundial. Para atingir este objetivo, as linhas de ação principais da IS4Health são o treino da auscultação para os médicos do futuro, a integração da auscultação na telemedicina, e a criação de sistemas inteligentes de auscultação.

O seu produto principal denomina-se IS4Learning e é uma tecnologia de simulação médica baseada em pacientes virtuais, destinada ao ensino e certificação das capacidades de auscultação de alunos e profissionais de saúde. O cliente principal deste produto são as instituições de ensino de saúde, tendo já como clientes a Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, e a Université Paris Descartes em França. Mais de 1000 alunos já foram treinados com esta tecnologia, tendo esta já sido utilizada também para ministrar mais de 30 workshops.

Mais informações: https://is4health.com/

HealthySystems

A HealthySystems (HLTSYS) tem como missão a promoção efetiva da segurança e robustez dos Sistemas de Informação e Infraestruturas de Rede dos seus clientes. A oferta de produtos da HLTSYS inclui soluções de autenticação segura, sistemas de integração que promovem a troca de mensagens entre diferentes sistemas de informação de saúde e sistemas de registo integrado de logs, que agregam logs provenientes de diferentes fontes de informação. Complementamos a nossa oferta com serviços de otimização de sistemas de cibersegurança, auditorias de segurança e performance, verificação da qualidade de dados em bases de dados e na troca de mensagens em tempo real, otimização de infraestrutura de redes e consultoria no âmbito da proteção de dados (GDPR).

O HS.REGISTER é uma tecnologia que visa criar um registo de auditoria único para instituições de saúde agregando eventos heterogéneos que coletam logs de diferentes origens (por exemplo, syslog, log4j, HL7, logs do servidor web). Esta solução está em linha com o perfil IHE-ATNA (Audit Trail e Node Authentication) e permite realizar processos de auditoria complexos que cruzam diferentes sistemas de forma integrada, bem como diagnosticar problemas que neles ocorrem utilizando uma única aplicação web.

HS.REGISTER visa dotar as instituições de saúde com um sistema que facilite o cumprimento das regras definidas no GDPR (Regulamento Geral de Protecção de Dados Europeu); seja comparável aos sistemas ATNA (Audit Trail e Node Authentication); facilite o processo de certificação do BSHI (Sociedade Brasileira de Informática em Saúde).

Mais informações: http://hltsys.pt/

VirtualCare

A VirtualCare resulta da experiência acumulada ao longo dos últimos 10 anos por um grupo de investigadores associados à Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, com diferentes formações e experiências que vão desde a área médica e bioestatística às ciências de computadores.

Os nossos sistemas visam facilitar a tomada segura de decisão por parte dos profissionais de saúde através da aquisição, processamento, validação e apresentação de dados dos pacientes com qualidade.

O ObsCare é um sistema de registo clínico eletrónico que dá suporte completo à prática obstétrica. A aplicação VCObsCare é constituída por vários módulos, que permitem registar, consultar e analisar informação relativa a cada tipo de atendimento realizado num serviço de Obstetrícia, acompanhando o seu funcionamento.

O sistema possui uma interface bastante intuitiva baseada em tecnologias WEB, podendo ser utilizado por computadores como Windows, Linux ou Macintosh. Os dados são armazenados num servidor com base de dados Oracle, sendo todos os acessos registados e apenas acessíveis através de password.

Mais informações: http://virtualcare.pt/

FASTinov

Com uma extensa rede internacional de colaboradores, incluindo centros académicos e clínicos, laboratórios de análises clínicas, parceiros industriais e assessores, a FASTinov pretende tornar-se um “key player” no desenvolvimento de soluções inovadoras para testes de suscetibilidade antimicrobiana (AST).

Com a finalidade de apoiar as decisões clínicas, a FASTinov oferece uma solução abrangente e única em economia de tempo com uma abordagem inovadora que permite a determinação do fenótipo de suscetibilidade em 2 horas, em comparação com as 48 horas necessárias para os métodos padrão habituais.

A metodologia patenteada (Flow Cytometry Antimicrobial Susceptibility Test) preenche uma lacuna nos métodos AST existentes: as células microbianas podem agora ser discriminadas em termos de fenótipo Suscetível vs Resistente, independente do crescimento.

Esta metodologia rápida fornece o perfil de sensibilidade em tempo clinicamente útil e esclarece o principal mecanismo de resistência envolvido.
A técnica pode ser aplicada a um painel alargado de microrganismos e a fármacos antimicrobianos, fornecendo grande potencial de desenvolvimento de kits de AST.

Mais informações: http://www.fastinov.com/

MEDIDA

A MEDIDA tem como objetivo aumentar a qualidade de vida dos pacientes com doenças crónicas respiratórias e alérgicas, através da melhoria constante de soluções e serviços de saúde personalizados, baseados na Investigação, Desenvolvimento e Inovação.

A empresa desenvolve, avalia e distribui produtos e serviços para pessoas com doenças crónicas, especialmente para doentes respiratórios ou alérgicos.

O m.Carat é uma aplicação móvel onde os doentes com asma e rinite alérgica podem manter um registo de todos os eventos relacionados com a sua doença, medicação, cuidados de saúde e ter acesso a informação sobre a doença.

Esta aplicação tem como principais funcionalidades realizar um questionário CARAT(Controlo da Asma e Rinite Alérgica Teste) para avaliação do grau de controlo da asma e rinite alérgica, sincronizar com o caratnetwork.org, registar a sua medicação de asma / rinite, criar tarefas relacionadas com asma / rinite tal como consultas médicas, definir alarmes que o alertam para tomar a medicação, registo de todos os seus sintomas, crises, valores de provas de função respiratória e visitas ao hospital/médico, receber informações e notícias sobre a asma e rinite.

Mais informações: http://www.medidasaude.net/

GLYCO4CLINICS

GLYCO4CLINICS tem por principal objetivo aliar a investigação à prática clínica, com o intuito de investigar e desenvolver novos biomarcadores para diagnóstico e prognóstico, bem como promover a criação de novos agentes e dispositivos terapêuticos.

A missão da GLYCO4CLINICS consiste em investigar as alterações do perfil de glicosilação de proteínas (forma como as proteínas se encontram revestidas com açúcares/glicanos), num contexto de doenças humanas, para desenvolver novos biomarcadores aplicados ao diagnóstico e para criar novos agentes terapêuticos testados e validados em ensaios clínicos. A estreita colaboração entre a investigação (I&D) e a sua aplicação na prática clínica é a visão da GLYCO4CLINICS.

Mais informações: http://www.glyco4clinics.pt/